Anéis de Fumaça do Etna: Um Espetáculo Natural

Anéis de fumaça
"A Dama dos Anéis", Vulcão Etna libera anéis de fumaça no céu 4

O Etna, localizado na Sicília, Itália, é um vulcão que tem sido testemunha de erupções desde 1.500 a.C. Recentemente, ele nos presenteou com um espetáculo raro e hipnotizante: anéis de fumaça quase perfeitos. Vamos entender como esses círculos naturais se formam e por que são tão especiais.

Como se Formam os Anéis de Fumaça?

  1. Composição: Apesar de parecer fumaça, esses anéis são compostos principalmente por vapor d’água. Por isso, eles aparecem brancos. Em alguns casos, podem ser cinza ou marrom se houver cinzas presentes na atmosfera. O fenômeno ocorre devido à liberação constante de vapores e gases do vulcão.
  2. Processo: A massa gasosa sobe rapidamente pelo centro do conduto vulcânico e, ao encontrar o ar frio, se condensa e forma os anéis. Quando os gases são expelidos com energia suficiente e em um padrão circular, eles podem formar anéis visíveis.
  3. Geometria da Cratera: Os anéis são formados a partir do formato geométrico da cratera. Portanto, um vulcão só solta anéis de fumaça nessas condições específicas.

Frequência e Beleza

  • Recorde de Anéis: O Etna está quebrando todos os recordes anteriores com a frequência de anéis que vem expelindo. Segundo especialistas, ele emitiu “centenas, senão milhares, destes lindos anéis”.
  • Não é Alerta de Erupção: Embora sejam menos comuns, os anéis de fumaça não são um alerta de uma possível erupção vulcânica. A última grande erupção do Etna foi registrada no final de 2023.

A “Dama dos Anéis”

images 2

Os moradores locais começaram a chamá-lo de “Dama dos Anéis”. E, de fato, esses círculos misteriosos nos céus da Sicília nos lembram das histórias épicas de “O Senhor dos Anéis”. Mas, ao invés de elfos e magos, temos a natureza desenhando sua própria narrativa.

Em resumo, os anéis de fumaça do Etna são uma prova da beleza e complexidade da Terra. Eles nos lembram que, mesmo em sua fúria vulcânica, a natureza é capaz de criar maravilhas que nos deixam sem palavras.

Compartilhar:

Categorizado em:

Notícias Quentes,

Última atualização: 10 de abril de 2024