Deolira Glicéria Pedro da Silva, uma moradora ilustre de Itaperuna, no Noroeste Fluminense, celebrou seu aniversário de 119 anos no último domingo, 10 de março. Esta data não apenas marcou mais um ano de vida para Deolira, mas também a consagrou como a pessoa mais velha do mundo, superando a espanhola María Branyas Morera, de acordo com o Guinness Book, o prestigiado livro dos recordes.

Saúde e Longevidade

A incrível jornada de Deolira é acompanhada de perto pelo geriatra Juair de Abreu Pereira, que testemunha a resiliência e vitalidade da idosa há dois anos. Apesar de uma queda há cerca de uma década, que resultou em dificuldades de locomoção, Deolira mantém uma saúde admirável, sem a necessidade de medicamentos contínuos ou a presença de comorbidades. Seu segredo, segundo o médico, reside em uma excelente qualidade de sono e uma mente lúcida e ativa.

Uma Vida de Trabalho e Família

Nascida em 10 de março de 1905, em Porciúncula, Deolira dedicou a maior parte de sua vida ao trabalho na zona rural até os impressionantes 80 anos de idade. Atualmente, ela reside no bairro Frigorífico, em Itaperuna, junto com suas netas, desfrutando da companhia de bisnetos e tataranetos. Sua vitalidade e interação com a família são destacadas por Leila Ferreira da Silva, uma das netas de Deolira, que compartilha os momentos de alegria e ternura ao lado da matriarca.

Segredos da Longevidade

Para aqueles que buscam desvendar os segredos da longevidade de Deolira, Leila revela que o hábito de dormir cerca de 12 horas por noite parece ser um dos principais fatores. Mesmo assim, Deolira não apenas dorme, mas interage, canta marchinhas, reza e compartilha suas histórias com a família, mantendo viva a memória de seu amado marido, mesmo após duas décadas de sua partida.

Legado e Família

O legado de Deolira se estende por gerações, com sete filhos, três dos quais ainda presentes, além de uma vasta descendência de 17 netos, 40 bisnetos e 37 tataranetos. Sua história é mais do que um registro de longevidade; é um testemunho de amor, trabalho árduo e alegria compartilhada ao longo de uma vida plena.

Ao celebrarmos os 119 anos de Deolira Glicéria Pedro da Silva, celebramos não apenas sua longevidade, mas também sua resiliência, sabedoria e o calor humano que ela irradia para todos ao seu redor. Que sua jornada inspire e ilumine os corações daqueles que têm a sorte de conhecê-la e compartilhar momentos ao seu lado.

fonte: O Dia

Compartilhar: